Qual a importância do Know-how na hora de empreender?

O know-how pressupõe conhecimento e domínio sobre um determinado tema. Isso garante segurança ao empreendedor que deseja obter resultados de qualidade.

O ato de empreender requer atenção a muitos detalhes. O aspecto financeiro de um empreendimento é apenas parte do que é necessário para obter sucesso. Tão importante quanto o que fazer é como fazer.

As empresas de maior sucesso dominam os conceitos e segredos de como a atividade empresarial deve ser exercida, o que lhes garante vantagem sobre os demais.

No meio negocial isso é chamado de know-how, algo que pode definir o sucesso do seu empreendimento.

O que é know-how?

O termo know-how vem do inglês e quer dizer “saber como” e é bastante abrangente. De modo geral, o know-how corresponde a um grupo de informações, técnicas e habilidades sem as quais seria impossível dar continuidade a um padrão de qualidade e trabalho.

Ou, alguém sabe como fazer algo e pode transformar vidas e empreendimentos através de seu conhecimento.

O know-how de determinada empresa é uma metodologia que pode ser cedida e até mesmo transferida.

O know-how como peça-chave das franquias

A aquisição de know-how pode vir através da prática, ou por meio da aquisição de uma fórmula pronta, pode-se dizer.

A franquia apresenta a possibilidade de o investidor buscar o empreendimento que melhor se adeque à sua realidade, expectativas e desejos e nela aplicar todo seu tempo e atenção.

Nas franquias, o know-how é ensinado por quem o possui. Muitas das vezes, o investidor não conhece o processo de desenvolvimento, produção e entrega de determinado produto.

No entanto, o franqueado será ensinado sobre como deve proceder. Isso é know-how: ensinar a fazer para continuar fazendo bem-feito.

Know-how é mais do que um conceito

O know-how como conjunto de entendimentos a respeito de um tema representa conhecimento necessário para realizar determinada atividade.

O termo tem origem em “learning-by-doing” (Argote & Epple, 1990) e pode ser traduzido como “aprender fazendo”

É mais difícil transferir o know-how de uma empresa para outra do que entre empresas que pertencem ao mesmo grupo (Garud, 1997).

Na hipótese das franquias, o modelo de negócios traz segurança ao franqueado, que passa a fazer parte de um grupo em que todos seguem um padrão.

Práticas testadas e aprovadas

Por vezes o empreendedor pode saber que determinado produto é vendável, mas o que o torna uma boa opção de negócio?

Aquele que sabe como realizar algo e possui o conhecimento se distingue dos demais e tem mais chances de alcançar patamares mais elevados.

Para o que detém o know-how não existe mais amplo espaço para testes e falhas.

Know-how: tire o conhecimento do mundo das ideias

Para isso, conte com a Rockfeller Language Center, a empresa sete vezes ganhadora do selo Excelência em Franchising pela ABF – Associação Brasileira de Franchising.

Visite nosso site e saiba mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *